A epidemia dos Broken Brains: já ouviu falar?

trailer

Nos Estados Unidos, corre a notícia de uma epidemia de “Broken Brains“, já ouviu este termo? Cérebros corrompidos, cansados, danificados. O Dr. Mark Hyman (MD), vem divulgando do que se trata. Na realidade, é basicamente o que chamamos síndrome da fadiga crônica, que já abordamos bastante em artigos (também conhecida como fadiga adrenal, porém termo mais “popular” que não é considerado um diagnóstico médico e melhor ser evitado). Em sua série, Dr. Hyman nos pergunta?

Como você se sente hoje? Sério. Como você se sente hoje?

Está deprimido? Sofre de ansiedade? Tem problemas com o sono?

Se sente cansado, mas em determinados momentos “ligado”, sem conseguir relaxar?

Precisa de café pela manhã e talvez algumas taças de vinho à noite para relaxar?

Se sente frustrado porque anda esquecendo coisas, esquecendo nomes, esquecendo compromissos?

Tem dificuldade em focar em determinadas atividades, sentindo o seu cérebro meio “nas nuvens”?

Sente seus níveis de energia caírem durante o dia, principalmente no final da tarde?

Isto tudo caracteriza a epidemia que Dr. Hyman chama de “Broken Brains”?

Resultado dos excessos: excessos de excessos que andamos vivendo nas últimas décadas.

Como disse na minha mensagem de final de ano, é momento de simplificar, reduzir a marcha, organizar a vida de maneira mais descompromissada, estabelecendo pequenos combinados com a gente mesmo para ficar mais fácil de cumprir. Eu, por exemplo, evito compromissos à noite, como cursos e palestras. Nada que termine depois de 20 horas. Se terminar às 22 horas, até chegar em casa e desligar, lá se foi uma boa noite de sono… Meu horário de sono é 22:30, mas, para isso, tenho que estar quietinha, literalmente “desligada” de atividades antes disso. Simples assim.

Fique ligado! Vou escrever muito sobre isso, dando alternativas de tratamento. O bom é dizer que “tem jeito”… você tem todo o poder de recuperar a sua saúde e CURAR-SE A SI MESMO. Estamos vivendo um momento da medicina em que o médico terá o papel de despertar a auto-cura. É o lado pró-ativo da Engenharia Aplicada ao Tempo de Vida Saudável. O quebra-cabeça vai se compondo!

Dra Isabela David

Médica nutróloga com Título de Especialista em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN), Conselho Federal de Medicina (CFM) e Associação Médica Brasileira (AMB)